UM BATE-PAPO COM

Delicatessen Jazz

Com 10 anos de carreira e muitos prêmios recebidos nesses anos todos, além de mais de 30 mil cópias de CDs vendidos (o que para o padrão do Brasil em relação a música de qualidade  equivale a um recorde) o Delicatessen Jazz sempre foi um grupo que, tradicionalmente, se dedicou à música em inglês. Já se apresentou na cidade no Sorocaba Festival de Jazz e agora retorna para uma apresentação na Temporada do Metso Cultural 2016, tendo como convidado especial João Donato, e trarão no repertório um apanhado dos 3 discos já gravados pelo grupo,  algumas músicas brasileiras que trazem diretamente as influências jazzísticas americanas além, claro, de releituras da obra de João Donato.

 

Eles bateram um papo com a produção do Metso Cultural e falaram um pouco do que será o show em Sorocaba.

 

  O Delicatessen Jazz sempre foi um grupo que, tradicionalmente, se dedicou à música em inglês. Contudo tem um novo trabalho “ Brasil na Trilha do jazz”, onde vocês se dedicam à música brasileira?

O Delicatessen já planejava trabalhar repertório em português a algum tempo, por ideia própria e também por sugestão de seus fãs. Com uma pesquisa feita em cima dos 100 anos de jazz no Brasil, percebeu que havia um lindo repertório que poderia ser trabalhado com o estilo suave do grupo, mesmo com músicas que supostamente seriam animadas e brincalhonas do repertório de Carmem Miranda até Jobim e Menescal! Este projeto em breve será gravado e disponibilizado no mercado brasileiro e internacional.

         Neste show em Sorocaba novamente vocês se apresentam com um dos ícones também do Jazz Brasileiro: João Donato. A versatilidade da música “donatiana” parece muito se identificar com o tipo de música do Delicatessen.

João Donato é um forte representante da música brasileira, talentoso mestre e compositor que passeou por todos os estilos brasileiros, pela música cubana e pelo Jazz. Muito do seu repertório combina com o estilo do Delicatessen e, sem sombra de dúvida, com a voz de Ana Krüger. E também, já tivemos uma linda experiência em palco muitos anos atrás, o que ajudou mais ainda na aproximação musical para este show em Sorocaba. Temos certeza que o público de Sorocaba irá apreciar o resultado musical deste lindo show!

         Diante do atual painel musical brasileiro onde se encaixa o Delicatessen Jazz?

No atual cenário político e econômico, o negócio da música sofre como qualquer outro setor das artes, pois os investimentos em cultura são sempre os primeiros da lista de cortes orçamentários, mas o Delicatessen tenta se reinventar e seguir com seu padrão de não fugir para obviedades só para agradar o mercado. O Brasil não é um país fácil, mas seguimos acreditando nele, na nossa música, e no nosso público fiel.

         E sobre o repertório do show em Sorocaba?

Para este show, estamos trazendo um apanhado do melhor de nossos três discos, pois estamos completando dez anos de carreira. Além de releituras suaves da obra de João Donato,como, por exemplo: A Paz, A Rã e Caju em Flor, e ainda Clássicos dos 100 Anos da Música Brasileira influenciada pelo Jazz, como: Lover, Adeus América, Disseram que voltei americanizada, entre outras. Será muito especial este reencontro com o Donato e sua música em Sorocaba e misturar tudo isso que, de algum jeito, tem a nossa cara e a do Donato.

©2008-2017 mdainternational.com.br - Todos os direitos reservados